Via 040 implanta centro de pesquisa de pavimentos

Quando se trata de estradas, uma equação é certeira: asfalto de qualidade é sinônimo de mais segurança e de economia no transporte de pessoas e bens. Para construir e manter pavimentos de alta qualidade é necessário um trabalho que vai além de homens e máquinas trabalhando em campo. Pesquisar e entender o comportamento e desempenho dos materiais que compõem o piso de rodagem é essencial para sua durabilidade e eficiência. Seguindo esse preceito, a Via 040 deu início, em outubro, às atividades do Laboratório de Pavimentação e Solos, primeiro centro de estudos de Minas Gerais dedicado exclusivamente à temática de pavimentos.

O modelo de funcionamento do Laboratório, instalado em Nova Lima, prevê a parceria com o universo acadêmico. As atividades integram seis universitários das disciplinas da engenharia, que têm a oportunidade de se qualificar em uma área promissora, dado o período de dinamismo do setor de concessões rodoviárias.

PARCERIA PELA INOVAÇÃO

A construção do Laboratório está inserida no projeto de Recursos de Desenvolvimento Tecnológicos (RDT), programa idealizado e financiado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), do qual a Via 040 é parceira.

A Concessionária, em decisão conjunta com a ANTT, optou pela implantação do centro de pesquisa de pavimentos, que produzirá resultados a partir da análise de informações inseridas em um sistema gerenciador de dados (SGD), contendo resultados de monitorações, levantamentos e ensaios de campo e laboratoriais.

As tecnologias e técnicas aplicadas permitirão avaliações mais consistentes sobre a condição do pavimento, aumentando a confiabilidade das informações coletadas e o nível de compreensão sobre a mecânica dos pavimentos.

“Os pesquisadores do Laboratório produzirão artigos científicos que serão disponibilizados no site da ANTT. Assim, além dos resultados práticos proporcionados pelo trabalho, a iniciativa é uma maneira de devolver para a sociedade benefícios na forma de conhecimento, que poderá ser compartilhado e empregado em outros projetos”, ressalta o gerente de Fiscalização e Controle Operacional da ANTT, Luciano Esteve Ferreira de Assis.

CAPACITAÇÃO

Os seis acadêmicos de engenharia civil selecionados atuam no Laboratório por meio de um Programa de Capacitação Técnica, sendo supervisionados e orientados pela equipe técnica da Via 040. Entre estudantes e profissionais formados, os trabalhos do Laboratório envolverão 12 colaboradores.

Bruno Oliveira da Silva, estudante de 26 anos que cursa o 9º período de engenharia civil na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), resume como enriquecedora a experiência de trabalhar no laboratório. “É uma oportunidade muito positiva. Desenvolvi conhecimentos, habilidades técnicas e conheci novos equipamentos. Cresci também em outros campos, como em questões de gestão, pois participei de todo o processo de estruturação do laboratório”, afirma. O universitário integra o projeto desde maio de 2015.

Bruno crê que a qualificação na área de pavimentos ampliará seu campo de atuação profissional. “Nesse momento em que o setor de construção civil, por exemplo, está demitindo, as concessionárias de rodovias estão contratando. Isso é um estímulo a mais”, ressalta.

TECNOLOGIA DE PONTA

O Laboratório de Pavimentação e Solos, provido com equipamentos de última geração, permitirá à Via 040 incorporar tecnologia de vanguarda e aumentar a eficiência da manutenção e restauração dos pavimentos da rodovia. Além disso, a Concessionária implantará nas novas pistas duplicadas material asfáltico desenvolvido sob medida para as condições de tráfego e tipos de solo dos quase mil quilômetros da BR-040 sob concessão.

O processo resulta em benefícios para toda a sociedade. Com base em pesquisas de ponta, conseguiremos reduzir o volume de recursos empregados na manutenção do pavimento, mimizando a pegada ambiental da atividade; planejaremos com mais exatidão as ações de reabilitação, causando menos impactos na fluidez da rodovia; e proporcionaremos continuamente as melhores condições de tráfego na BR-040, aumentando a segurança”, explica Leandro Amaral, gerente de Manutenção e Conserva da Via 040.

RESULTADO

Um exemplo prático do retorno proporcionado pelo Laboratório são as análises de campo de trechos estratégicos da rodovia. Em pontos da BR-040 onde são detectados padrões de ocorrências, como saídas de pista, é feito um trabalho localizado de pesquisa para detecção de possíveis anormalidades no pavimento, caso do nível de aderência, que pode ser alterado devido ao desgaste natural do asfalto. Uma vez encontrada qualquer inadequação, a manutenção do trecho é executada baseada em informações concretas, o que se reflete em mais eficiência e segurança.

QUALIDADE GERA ECONOMIA

Pesquisas do setor de transportes estimam que o tempo médio de viagem em estradas mal conservadas pode dobrar em relação a rodovias que passam permanentemente por manutenção e conservação. O consumo de combustível cresce até 60% se o pavimento não permite o desenvolvimento de um bom ritmo de viagem. Os custos de manutenção de veículos de carga podem subir até 35% devido a imperfeições na pista. Tudo isso acaba se refletindo no valor final do frete, que, por sua vez, impacta no preço dos bens de consumo transportados pelo modal rodoviário.

Segundo estudos da Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística, caso as rodovias brasileiras tivessem alto padrão de qualidade, o transporte rodoviário de cargas poderia reduzir os custos em 31,7%, o que representaria economia de R$ 11,6 bilhões por ano.

SOBRE A VIA 040

A Via 040, empresa do grupo Invepar, é a concessionária responsável pela gestão do trecho de 936,8 quilômetros da BR-040, entre Brasília (DF) e Juiz de Fora (MG). A concessão tem prazo contratual de 30 anos e prevê a recuperação, operação, manutenção, conservação, implantação de melhorias e ampliação de um dos principais corredores rodoviários do Brasil. A área de influência socioeconômica da BR-040 abrange 163 municípios localizados no Distrito Federal, Goiás e Minas Gerais, com uma população de 11,4 milhões de habitantes.

Com foco na excelência, inovação e responsabilidade socioambiental, os serviços prestados pela Via 040 contribuem para o desenvolvimento da infraestrutura brasileira em transportes e promovem maior segurança e conforto aos usuários.

O grupo Invepar completou neste ano 15 anos de atuação no setor de infraestrutura de transportes, tanto no Brasil quanto no exterior. São quase dois mil quilômetros de rodovias g

Quarta faixa da Free Way reduz em 27% os óbitos em...