Radares da BR-376 e BR-101 passam a registrar multa a partir de segunda-feira

A partir da zero hora da próxima segunda-feira (17/8) os radares instalados no trecho administrado pela Autopista Litoral Sul (BR-376 e BR-101) passam a operar com emissão de multas pela Polícia Rodoviária Federal. Desde março de 2014, os dispositivos já operavam em modo educativo com supervisão da Agência Nacional de Transportes Terrestres e, a partir de agora, com a conclusão da etapa de testes e orientação aos motoristas, as infrações de velocidade terão registro e emissão de multa.

No total, são 37 radares de fiscalização ostensiva com display externo de fácil visualização, que informam a velocidade registrada e fotografam as infrações. As imagens são enviadas automaticamente para o banco de dados da Polícia Rodoviária Federal que emite a notificação de autuação de acordo com o artigo 218 do Código de Trânsito Brasileiro.

A instalação dos radares, realizada pela Autopista Litoral Sul, considerou critérios técnicos definidos em conjunto pela concessionária, PRF e ANTT. Os estudos para implantação consideraram os índices de acidentes, e a velocidade praticada pelos motoristas em comparação com o limite máximo permitido na via.

Na BR-376, os radares estão concentrados no trecho da Serra do Mar, com cinco dispositivos entre os municípios de Tijucas do Sul e Guaratuba, e limite de velocidade de 60 km/h.

Na BR-101, entre Garuva e Palhoça, são oito pontos de fiscalização na pista principal, sendo sete com limite de 80 km/h e um a 60 km/h (Morro do Boi em Balneário Camboriú). Os outros 24 pontos estão localizados nas marginais dos municípios de Itajaí, Itapema, Biguaçu, São José e Palhoça, com limites de 40 km/h e 60km/h.

No mês de julho, quando os dispositivos ainda operavam no modo educativo, foram registradas aproximadamente 34 mil passagens acima do limite de velocidade nesses pontos, o que equivale a 0,16% do total de veículos que transitaram por essas regiões.

A expectativa da concessionária é de que esses dispositivos contribuam para a redução de acidentes e segurança dos usuários que trafegam pelo trecho sob concessão. Na comparação dos primeiros semestres de 2015 e 2014, houve redução de 29,2% no índice de vítimas fatais e de 3,25% no total de acidentes no trecho administrado pela Autopista Litoral Sul.

Planilha de Radares – Trecho: Autopista Litoral Sul

Quarta faixa da Free Way reduz em 27% os óbitos em...
Via RODOVIA QUILÔMETRO MUNICÍPIO SENTIDO VELOCIDADE (km/h)
Pista Principal BR 376 650,8 Tijucas do Sul-PR NORTE 60
Pista Principal BR 376 664,773 Guaratuba-PR SUL 60
Pista Principal BR 376 667,175 Guaratuba-PR SUL 60
Pista Principal BR 376 668,334 Guaratuba-PR SUL 60
Pista Principal BR 376 668,88 Guaratuba-PR NORTE 60
Pista Principal BR 101 48,77 Joinville-SC SUL 80
Pista Principal BR101 50,51 Joinville-SC NORTE 80
Pista Principal BR 101 140,48 Balneário Camboriú-SC SUL 60
Pista Principal BR 101 202,13 São José-SC SUL 80
Pista Principal BR 101 202,23 São José-SC NORTE 80
Pista Principal BR 101 205,19 São José-SC NORTE 80
Pista Principal BR 101 206,21 São José-SC NORTE 80
Pista Principal BR 101 211,16 Palhoça-SC NORTE 80
Via marginal RL - BR 101 114,8 Itajaí-SC SUL 40
Via marginal RL - BR 101 114,9 Itajaí-SC NORTE 40
Via marginal RL - BR 101 116,5 Itajaí-SC NORTE 40
Via marginal RL - BR 101 147,4 Itapema-SC SUL 40
Via marginal RL - BR 101 147,45 Itapema-SC NORTE 40
Via marginal RL - BR 101 196,05 Bigua çu-SC SUL 40
Via marginal RL - BR 101 196,15 Biguaçu-SC NORTE 40
Via marginal RL - BR 101 198,8 Biguaçu-SC SUL