Frente de ampliação da BR-050 em Goiás chega a 91% de obras concluídas

 MInfra, ANTT e Governador de Goiás participaram da cerimônia de entrega dos 15 quilômetros de pistas duplicadas da BR-050

 A Eco050 realizou, na última segunda-feira (21), a entrega e a liberação para o tráfego de mais 15 quilômetros de pistas duplicadas na BR-050, entre os municípios de Catalão e Cumari. Os trabalhos também incluíram instalação de defensas metálicas, melhorias de acesso e implantação de retorno, tudo para dar mais condições de trafegabilidade ao usuário.

A entrega das novas pistas foi oficializada em solenidade que contou com a presença de representantes da Eco050 e do Grupo EcoRodovias, bem como do Diretor da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Alexandre Porto Mendes de Souza, do Secretário-Executivo do Ministério de Infraestrutura do Governo Federal, Marcelo Sampaio, do Secretário Nacional de Transportes Terrestres, Marcello da Costa, do Superintendente da Polícia Rodoviária Federal em Goiás, Vinícius Veiga Fleury, do deputado federal José Nelto e do Governador de Goiás, Ronaldo Caiado.

A obra do trecho liberado começou em julho de 2019. Em toda sua extensão, ela possui pistas duplicadas em ambos sentidos, com 3,8 quilômetros de canteiro central, 11,3 quilômetros de barreira rígida e 1 retorno em desnível. Foram investidos R$ 67,5 milhões e mais de 520 empregos foram gerados.

Com a liberação dos novos trechos, a frente de duplicação da BR-050 em Goiás alcançou a marca de 91% de conclusão em suas obras ao longo dos 218,5 quilômetros entre Cristalina e a divisa com Minas Gerais. "Chegamos aos 199 quilômetros duplicados em seis anos pela concessionária. A partir do ano que vem, já iniciaremos o restante, cerca de 20 quilômetros, para poder concluir toda essa infraestrutura no estado de Goiás", enfatizou o Diretor Superintendente da Eco050, Luis Carlos Lima Salvador.

"Fiz questão de estar aqui presente nessa entrega. Sabemos a importância e a relevância dessa obra para a economia do Estado do Goiás, para preservar a infraestrutura do sudeste goiano, com indústria automobilística, tratores, mineração e agropecuária", disse o Governador Ronaldo Caiado.

Mesmo com a pandemia e crise econômica provocada pelo novo Coronavirus, a Eco050 manteve seu programa de investimentos e realização de obras ao longo de todo o trecho, com o objetivo de proporcionar mais fluidez e segurança aos usuários. A Concessionária adotou todos os procedimentos preventivos contra a Covid-19, com o intuito de garantir a segurança dos colaboradores e a continuidade das obras.

"A BR-050 é um eixo importante de produção e para movimentação de passageiros, então é fundamental dar esse nível de eficiência para o setor produtivo e para a questão da mobilidade urbana", destacou o Secretário-Executivo do Ministério de Infraestrutura, Marcelo Sampaio.

15 Km de duplicação em números:

ü1 retorno em desnível;

ü3,8 quilômetros de canteiro central;

ü11,3 quilômetros de barreira rígida;

ü3 novas passagens de fauna;

üR$ 67,5 milhões investidos;

ü520 empregos gerados;

ü35 mil toneladas de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ) aplicadas;

üMais de 20 mil metros de defensas metálicas instaladas;

ü546 mil metros cúbicos de terraplenagem;

üO equivalente a 60 quilômetros de faixas de sinalização horizontal implantados;

ü200 placas de sinalização vertical instaladas.

Seguindo uma diretriz que preza pela sustentabilidade em sua operação, a Eco050 também construiu no trecho três novas passagens de fauna (km 296+100, km 301+380 e km 307+160). Essas estruturas têm como objetivo facilitar a circulação de animais silvestres, sem a necessidade de atravessar a via, o que diminui o risco de atropelamentos.

Mais de R$ 793 milhões investidos na duplicação

Essenciais para a modernização da infraestrutura regional, os investimentos para duplicação dos 218,5 quilômetros entre Cristalina e a divisa com Minas Gerais já somam R$ 793 milhões e 5 mil empregos gerados nas obras dos 199,5 km executados nos últimos 6 anos, e refletem diretamente na economia e na qualidade do transporte rodoviário no Sudeste de Goiás e no Triângulo Mineiro, com a melhoria da BR-050 nos aspectos de segurança, fluidez, economia e conforto.

Segundo o Diretor de Concessões Federais do Grupo EcoRodovias, Alberto Lodi, o usuário pode esperar por mais melhorias na BR-050. "A concessão da BR-050 vai até 2044, então temos um longo programa de melhorias, em que devemos investir mais R$ 2 bilhões até o término do contrato."

Além das novas pistas liberadas neste mês, a concessionária irá entregar, em meados de 2021, mais 4,8 quilômetros duplicados no município de Cumari, lote com obras já em andamento. Após a conclusão dessa frente e da duplicação da ponte Wagner Estelita Campos, entre Araguari (MG) e Cumari (GO), a BR-050 estará 100% duplicada do Estado de São Paulo até Catalão (GO).

Para fotos do trecho liberado e da solenidade oficial, acesse nosso álbum no Flickr: https://flic.kr/s/aHsmQV7yMh.

Sobre a Eco050 – A Eco050, uma empresa do Grupo EcoRodovias, é a nova concessionária da BR-050. São 436,6 quilômetros de extensão que compõem um importante corredor viário, passando por nove municípios de Goiás e Minas Gerais. O trecho concedido contempla uma das principais vias de ligação entre o Distrito Federal e São Paulo, que se inicia no entroncamento com a BR-040, em Cristalina (GO), e se estende até a divisa de Minas Gerais com São Paulo, no munícipio de Delta (MG) Informações: 0800 940 0700. Acesse www.eco050.com.br – Twitter @eco050

Sobre a EcoRodovias – A EcoRodovias é uma das maiores empresas de infraestrutura rodoviária do Brasil e vem expandindo, ao longo dos últimos vinte anos, sua presença em corredores rodoviários de importação e exportação, bem como relevantes eixos turísticos do país. Atualmente, administra 10 concessões de rodovias, que somam mais de 3 mil quilômetros de extensão em oito estados nas regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste do país. A EcoRodovias é também vencedora do leilão que definiu a concessão do trecho norte do Rodoanel Mário Covas (SP-021), em São Paulo. Além disso, gerencia dois ativos logísticos - um pátio regulador e um terminal portuário - que atendem ao Porto de Santos, o maior do Brasil.

Para mais informações: www.ecorodovias.com.br

Semana Nacional do Trânsito: Instituto CCR e CCR N...
ANTT promove Ação Educativa e de Saúde na Semana N...