Em um ano de operação viária, Via 040 registra 170 mil atendimentos aos usuários da BR-040

Em 22 de outubro a Via 040 completa um ano de operação viária da BR-040, atividade crucial para a organização, adequação e evolução do sistema de tráfego da rodovia. Durante esse período, foi registrada queda de 27% do número de acidentes no trecho sob concessão na comparação com o mesmo período anterior, conforme dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A melhora do índice de segurança é fruto tanto da gestão operacional quanto das obras de ampliação, recuperação e conservação efetuadas na BR-040.

O trabalho de operação viária, que envolve diretamente 687 colaboradores, é executado de forma permanente e produz resultados como o aumento da fluidez em trechos estratégicos da rodovia e em períodos de grande fluxo de veículos. O setor é também responsável pela gestão dos serviços oferecidos pela Via 040, como socorro mecânico, atendimento médico de emergência e postos de atendimento ao usuário.

A área de relacionamento com o usuário dialoga diretamente com a operação viária. As informações sobre ocorrências e eventos anormais na rodovia, enviadas por motoristas e passageiros, são recebidas via plataformas de atendimento (serviço telefônico gratuito, e-mail etc.) e direcionadas ao Centro de Controle Operacional (CCO) para serem analisadas, melhorando a eficiência do sistema.

Conheça o panorama das atividades e da estrutura empregada na operação viária da Via 040 ao longo deste primeiro ano de trabalho

REDUÇÃO DE ACIDENTES

Entre 22 de outubro de 2014 e 30 de setembro de 2015, foram registrados 3.756 acidentes no trecho de 936,8 quilômetros da BR-040 sob concessão, entre Brasília (DF) e Juiz de Fora (MG). O número é 27% menor do que o registrado entre outubro de 2013 e setembro de 2014, quando ocorreram 5.151 acidentes. Os dados são da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Os acidentes que causaram vítimas fatais também apresentaram sensível diminuição. Foram registradas 183 ocorrências entre outubro de 2014 e setembro de 2015, índice 11% menor do que o verificado no período anterior, que foi de 205.

No caso do Anel Rodoviário de Belo Horizonte, cujos dados são registrados pela Polícia Militar Rodoviária (PMRv), foi registrada queda de 38% no total de acidentes na comparação entre os dois períodos, baixando de 1055 para 650.

Principais Reduções Registradas (por tipo de acidente):

BR-040

(excluído Anel Rodoviário de Belo Horizonte)

Tipo de Acidente

Out 2013 a Set 2014

Out 2014 a Set 2015

Redução %

Colisão traseira

1.581

877

44%

Colisão lateral

818

486

41%

Saída de Pista

1.013

734

27%

Colisão frontal

212

156

26%

Fonte: Polícia Rodoviária Federal (PRF)

Anel Rodoviário de Belo Horizonte

Tipo de Acidente

Out 2013 a Set 2014

Out 2014 a Set 2015

Redução %

Colisões

934

512

45%

Fonte: Polícia Militar Rodoviária de Minas Gerais (PMRv-MG)

TOTAL DE ATENDIMENTOS AOS USUÁRIOS DA BR-040

Em um ano, a Via 040 realizou cerca de 170 mil atendimentos aos usuários, o que engloba ações diretas na rodovia (guinchamentos, socorro médico etc.) e recebimento de demandas via canais de relacionamento.

SERVIÇOS PRESTADOS AOS USUÁRIOS DA BR-040

No período, a Via 040 realizou:

  • 127 mil atendimentos ao usuário pelos canais de relacionamento
  • 38.889 atendimentos de socorro mecânico
  • 11.149 atendimentos médicos
  • 825 ações de recolhimento de animais
  • 718 ações de combate a incêndios.

ESTRUTURA DE ATENDIMENTO AO USUÁRIO DA BR-040

  • 687 colaboradores
  • 29 ambulâncias
  • 35 guinchos
  • 23 viaturas de inspeção
  • 2 motocicletas de inspeção (Anel Rodoviário e Entorno do Distrito Federal)
  • 6 caminhões-pipa
  • 6 caminhões para resgate de animais
  • 21 postos de atendimento ao usuário
  • 10 Painéis Fixos de Mensagens Variáveis
  • 6 Painéis Móveis de Mensagens Variáveis
  • 1 Cen
Quarta faixa da Free Way reduz em 27% os óbitos em...