ÍNDICE ABCR

Referência Econômica

Em 2012, o índice ABCR foi incorporado ao cálculo do Produto Interno Bruto (PIB), pelo IBGE.

Em São Paulo, Índice ABCR cai 0,9% em fevereiro
   

Em São Paulo, o fluxo pedagiado de veículos teve queda de 0,9% em fevereiro de 2020, em relação a janeiro, em termos dessazonalizados. A desagregação entre leves e pesados apresentou variação de -1,1% e 0,5%, respectivamente.

 

Em relação a fevereiro de 2019, o índice total cresceu 4,3%, com alta de 5,9% em veículos leves e queda de 1,0% em tráfego de pesados. Nos últimos doze meses, o índice total acumula alta de 4,4% no estado, fruto do crescimento de 4,6% dos veículos leves e de 3,4% dos veículos pesados.

Período

Leves

Pesados

Total

Índice ABCR

 

Período

Leves

Pesados

Total

Leves

Pesados

Total

08/2019 / 08/2018
3,6%
0,0%
2,6%
02/2020 / 02/2019
5,9%
-1,0%
4,3%
02/2020 / 01/2020 C/AJUSTE SAZONAL
-1,1%
0,5%
-0,9%
Últimos 12 Meses
4,6%
3,4%
4,4%
08/2019 / 07/2019 c/ ajuste sazonal
1,2%
-0,7%
0,2%
Últimos 12 meses
2,3%
3,3%
2,5%
Acumulado do Ano
2,6%
-0,2%
2,0%
Acumulado no ano
3.6%
4,3%
3,7%
Fevereiro/20 sobre Fevereiro/19
5,9%
-1,0%
4,3%
Fevereiro/20 sobre Janeiro/20 C/ AJUSTE SAZONAL
-1,1%
0,5%
-0,9%
Últimos doze meses
4,6%
3,4%
4,4%
Acumulado no ano (Jan-Fev/20 sobre Jan-Fev/19)
2,6%
-0,2%
2,0%

Gráficos

No Paraná, Índice ABCR caiu 0,5% em fevereiro

 

No Paraná, em fevereiro de 2020, o fluxo pedagiado caiu 0,5% em relação a janeiro de 2020, em termos dessazonalizados, com queda de 1,8% do índice de veículos leves e aumento de 3,2% do índice de pesados no período.

 

Em comparação com o fevereiro de 2019, o índice total apresenta aumento de 15,5%. O fluxo pedagiado de veículos leves cresceu 19% e o de pesados, 10%.

 

Nos últimos doze meses, o índice total acumula alta de 5,4%, com crescimento de 5,9% para veículos leves e 4,4% para pesados.

Período

Leves

Pesados

Total

Indice ABCR
Índice ABCR

 

Período

Leves

Pesados

Total

Leves

Pesados

Total

08/2019 / 08/2018
3,6%
0,0%
2,6%
02/2020 / 02/2019
19,0%
10,0%
15,5%
02/2020 / 01/2020 C/AJUSTE SAZONAL
-1,8%
3,2%
-0,5%
Últimos 12 Meses
5,9%
4,4%
5,4%
08/2019 / 07/2019 c/ ajuste sazonal
1,2%
-0,7%
0,2%
Últimos 12 meses
2,3%
3,3%
2,5%
Acumulado do Ano
10,2%
5,8%
8,7%
Acumulado no ano
3.6%
4,3%
3,7%
Fevereiro/20 sobre Fevereiro/19
19,0%
10,0%
15,5%
Fevereiro/20 sobre Janeiro/20 c/ ajuste sazonal
-1,8%
3,2%
-0,5%
Últimos doze meses
5,9%
4,4%
5,4%
Acumulado no ano (Jan-Fev/20 sobre Jan-Fev/19)
10,2%
5,8%
8,7%

Gráficos

Índice ABCR cai 0,5% em fevereiro

 

 

São Paulo, 10 de março de 2020 – Em fevereiro de 2020, o índice ABCR de atividade caiu 0,5% em comparação com o mês anterior, considerando os dados dessazonalizados. O índice mede o fluxo pedagiado de veículos nas estradas sob concessão e é construído pela Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias - ABCR juntamente com a Tendências Consultoria Integrada.

 

Mantida a comparação mensal dessazonalizada, o índice de fluxo pedagiado de veículos leves apresentou queda de 0,7%, enquanto o de pesados cresceu 0,8%. “Do ponto de vista econômico, a fraqueza dos veículos leves sinaliza o contexto ainda de dificuldades do orçamento familiar”, afirma Thiago Xavier, analista da Tendências Consultoria. “A questão está diretamente ligada ao lento processo de reação do mercado de trabalho, marcado pela geração de postos com salários baixos.”

 

Por outro lado, considerando os últimos 12 meses, houve alta no fluxo total de 3,7%. De acordo com Xavier, esse resultado está associado à mudança de feriado de Carnaval, de março para fevereiro, e o fato de o mês passado ter tido 29 dias. “Além disso, o preço dos combustíveis foi um fator limitante em dezembro e janeiro, mas houve sinais de alívio nesta área em fevereiro”, diz o economista. Para os próximos meses, no entanto, o cenário ainda é incerto, em função, por exemplo, do impacto do coronavírus na economia.

 

Período

Leves

Pesados

Total

Fevereiro/20 sobre Fevereiro/19
6,7%
0,4%
5,1%
Fevereiro/20 sobre Janeiro/20 C/ AJUSTE SAZONAL
-0,7%
0,8%
-0,5%
Últimos doze meses
3,9%
3,2%
3,7%
Acumulado no ano (Jan-Fev/20 sobre Jan-Fev/19)
2,9%
0,4%
2,3%
Agosto/19 sobre Agosto/18
Veiculos Leves
3,6%
Veiculos Pesados
0,0%
Total
2,6%
Agosto/19 sobre Julho/19 c/ ajuste sazonal
Veiculos Pesados
Veiculos Leves
1,2%
Veiculos Pesados
-0,7%
Total
0,2%
Últimos doze meses
Veículos Leves
2,3%
Veiculos Pesados
3,3%
Total
2,5%
Acumulado no ano (Jan-Ago/19 sobre Jan-Ago/18
Veiculos Leves
3,6%
Veiculos Pesados
4,3%
Total
3,7%
Indice ABCR
Índice ABCR

Índice ABCR cresce 0,1% em janeiro

Período

Leves

Pesados

Total

Leves

Pesados

Total

08/2019 / 08/2018
3,6%
0,0%
2,6%
02/2020 / 02/2019
6,7%
0,4%
5,1%
02/2020 / 01/2020 C/AJUSTE SAZONAL
-0,7%
0,8%
-0,5%
Últimos 12 Meses
3,9%
3,2%
3,7%
08/2019 / 07/2019 c/ ajuste sazonal
1,2%
-0,7%
0,2%
Últimos 12 meses
2,3%
3,3%
2,5%
Acumulado do Ano
2,9%
0,4%
2,3%
Acumulado no ano
3.6%
4,3%
3,7%

Gráficos

No Rio de Janeiro, Índice ABCR sobe 0,3% em fevereiro

 

No Rio de Janeiro, no mês passado, o fluxo total de tráfego pedagiado subiu 0,3% comparado a janeiro, em termos dessazonalizados. O resultado decorre do aumento de 0,2% no fluxo de veículos leves e de 1,4% no de pesados.

 

Na comparação com fevereiro de 2019, o índice total registra aumento de 4,6%. O fluxo de leves subiu 5,6% e o de pesados, 0,2%.

 

Nos últimos doze meses, o índice total acumula alta de 1,2%, com evolução de 1,0% dos veículos leves e de 2,0% dos veículos pesados.

Período

Leves

Pesados

Total

Indice ABCR
Índice ABCR

 

Período

Leves

Pesados

Total

Leves

Pesados

Total

08/2019 / 08/2018
3,6%
0,0%
2,6%
02/2020 / 02/2019
5,6%
0,2%
4,6%
02/2020 / 01/2020 C/AJUSTE SAZONAL
0,2%
1,4%
0,3%
Últimos 12 Meses
1,0%
2,0%
1,2%
08/2019 / 07/2019 c/ ajuste sazonal
1,2%
-0,7%
0,2%
Últimos 12 meses
2,3%
3,3%
2,5%
Acumulado do Ano
0,9%
0,3%
0,8%
Acumulado no ano
3.6%
4,3%
3,7%
Fevereiro/20 sobre Fevereiro/19
5,6%
0,2%
4,6%
Fevereiro/20 sobre Janeiro/20 c/ ajuste sazonal
0,2%
1,4%
0,3%
Últimos doze meses
1,0%
2,0%
1,2%
Acumulado no ano (Jan-Fev/20 sobre Jan-Fev/19)
0,9%
0,3%
0,8%

Gráficos