Índice ABCR
aguarde... carregando dados para apresentação
Notícias seta
Releases e Notas
Nas rodovias concedidas, caminhoneiro é cliente VIP
29-06-2018 15:14
Concessionárias de rodovias realizam ações voltadas para a prevenção de acidentes e da saúde dos caminhoneiros.

No último mês de maio, os caminhoneiros de todo país fizeram uma série de paralizações buscando melhores condições de trabalho. Nas rodovias concessionadas, essa é uma preocupação constante, com todas as empresas enxergando o caminhoneiro não só como cliente e público-alvo, mas também como parceiro das pistas. Aproveitando as comemorações do Dia do Caminhoneiro, agora em 30 de junho, é com esse espírito que listamos algumas ações das concessionárias em prol dos nossos clientes vip, mostrando os resultados sólidos que comprovam cada vez mais que rodovias concedidas são rodovias seguras.

Como a ação do grupo AB Concessões, que cuida de 15 trechos rodoviários no Estado de São Paulo. A empresa registrou 808 atendimentos realizados em 2017, através de vários programas de redução e prevenção de acidentes, um trabalho no qual a concessionária faz investimentos em segurança viária em pontos que são diagnosticados como críticos. Os diversos programas também promovem campanhas educativas em parceria com a Polícia Rodoviária, como a ação Caminhoneiro na Via, onde o grupo realiza ações gratuitas em diversas partes da malha rodoviária concedida, dispondo de atividades para os caminhoneiros, como medição da pressão arterial, teste de diabetes, corte de cabelo, acuidade visual e orientações sobre saúde bucal. Além disso, os motoristas recebem orientações sobre direção segura, inspeção veicular e elétrica dos caminhões, tudo isso de forma gratuita.

Nas rodovias de responsabilidade das concessionárias Rota do Oeste (MT) e Rota das Bandeiras (SP), nossos parceiros caminhoneiros podem participar do programa Parada Legal, onde são oferecidos serviços de saúde, bem-estar e orientações de educação no trânsito. Com isso, apenas em 2017, foram atendidos 3.500 caminhoneiros em serviços como aferição de pressão arterial, medição de glicemia, orientações nutricionais e cálculo de IMC, orientações de HIV e sífilis, distribuição de preservativos, orientação de hanseníase e tuberculose, testes de Hepatite C, orientação e avaliação bucal, e avaliação psicológica. Além disso, o número de atendimentos médicos, mecânicos e de inspeção nas mesmas rodovias, durante o mesmo período, foram de quase 63 mil caminhoneiros parceiros.

Nas rodovias da Invepar, são desenvolvidas diferentes ações educativas que incluem palestras e conscientização de caminhoneiros para um trânsito mais seguro. Na CART, em São Paulo, em parceria com a Artesp, são realizados, ao longo do ano, os projetos "Acorda Motorista", que alerta para os perigos de acidentes causados pelo sono, e o "Saúde e Cidadania", em que são oferecidos exames de saúde gratuitos. Apenas em 2017, cerca de 5 mil motoristas, incluindo caminhoneiros, foram atendidos pelas ações. Já na Via 040, que vai de Minas Gerais ao Distrito Federal, o trabalho feito com caminhoneiros inclui a distribuição de material informativo e de brindes. Também são realizados testes de saúde e são dadas orientações de trânsito para que os motoristas tenham atitudes mais seguras. Na CLN, na Bahia, há durante todo o ano a distribuição de fitas refletivas para serem usadas nos caminhões. Em 2017, mais de mil caminhoneiros foram atendidos na blitz educativa. A CART cuida de um total de 834 quilômetros entre Bauru e Presidente Epitácio, sendo 444 no eixo principal e 390 quilômetros de vicinais. Essas rodovias atravessam o território de 27 municípios no centro-oeste paulista, com acesso ao início da SP-280 Castelo Branco, conexão com o Mato Grosso do Sul e ao Norte do Paraná.

O Grupo Arteris também possui ações com foco nos caminhoneiros, como o Saúde na Boleia, Acorda, Motorista! e Serra Segura. O Saúde na Boleia é um programa para saúde, qualidade de vida e bem-estar, onde os caminhoneiros recebem orientação médica sobre doenças crônicas, fazem avaliação física e exames preventivos de câncer bucal, cardiológicos e de sangue, além da medição da pressão arterial e de massa corpórea. O programa inclui também a vacinação contra a febre amarela e hepatite B, além de orientação postural e de prevenção a doenças sexualmente transmissíveis.

Já o Acorda, Motorista! é um programa feito em parceria com as polícias rodoviárias através de ações educativas de alerta durante a madrugada para reduzir os riscos da fadiga ao volante. Além de receberem orientações sobre os riscos do uso de medicamentos e como equilibrar o tempo de jornada e paradas, os caminhoneiros passam por uma avaliação médica básica e respondem a um questionário baseado na Escala Epworth, que avalia o nível de sonolência. As equipes também inspecionam as condições de iluminação e as faixas refletivas dos veículos, promovendo pequenos reparos.

Enquanto isso, a operação Serra Segura avalia as condições dos pneus, sistemas de freios e direção dos veículos pesados e conscientiza os caminhoneiros sobre a importância da manutenção periódica para garantir a segurança de todos que trafegam nas rodovias. A ação é feita em parceria com as polícias rodoviárias. A Arteris também investe em infraestrutura para redução de acidentes. A Autopista Litoral Sul, por exemplo, no trecho de serra, construiu uma área de escape para veículos pesados, que permite a veículos sem freio a possibilidade de reduzir a velocidade e evitar um acidente mais grave. Em 2017, 23 veículos usaram a estrutura. A redução entre o biênio 2014/2015 e 2016/2017 foi de 42% - o que demonstra a eficiência do mecanismo.

Somando as três ações acima, foram 9,2 mil caminhoneiros atendidos, 4.600 exames realizados, mais de 900 vacinas aplicadas; 1.137 exames básicos realizados; 924 check-lists realizados e 526 lâmpadas trocadas – isso tudo também apenas no ano passado, em 2017. Por meio de suas nove concessionárias, o Grupo Arteris administra rodovias localizadas nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Paraná, importante eixo econômico e industrial do País.

Essas ações são exemplos dos atendimentos que os amigos caminhoneiros encontram ao passar por uma rodovia pedagiada, em vários estados do Brasil. Além disso, todas elas são reconhecidamente melhores, com mais qualidade e maior segurança. A Pesquisa CNT de Rodovias de 2017, uma pesquisa anual realizada pela Confederação Nacional do Transporte, cravou que as dezenove melhores rodovias do país são pedagiadas. Além disso, a pesquisa classificou 70,4% das rodovias geridas pelo setor público como regular, ruim ou péssimo. Nas rodovias concedidas, a situação é a contrária: 74,4% atingiram a classificação ótimo ou bom. É a comprovação que rodar em rodovias concedidas traz maior economia de combustível, por ter um asfalto de maior qualidade e melhor geometria de pistas; significa maior segurança e menos riscos de acidentes; além de todos os serviços acima que buscam aumentar a qualidade de vida dos nossos parceiros de rodagem.

Para as concessionárias, todo dia é Dia do Caminhoneiro. Feliz dia 30!


Fonte: Agência ABCR

Leia também
Buscar Notícias Sala de Imprensa
Por data
De:
Até: